terça-feira, 26 de abril de 2011

O Centro Frontal - Ajna - 5º Raio Michel Coquet




O Centro Frontal - Ajna - 5º Raio

Michel Coquet
Tradução do Francê- Maria Lucia 

O centro frontal se situa na raiz do nariz, entre as sobrancelhas.
"O centro frontal possui apenas duas pétalas, não sendo, portanto, uma lótus de verdade, se compararmos aos outros centros.

Essas duas pétalas são compostas por 96 pétalas secundárias, ou unidades de força (48+48=96) mas não mantém a mesma forma que as outras lótus. Elas se estendem à direita e à esquerda da cabeça como as asas de um avião (2)."

Os primeiros sinais da atividade do centro frontal começam quando da segunda iniciação do batismo, desenvolvendo-se até a plenitude no momento da terceira iniciação, a transfiguração. Ele é a expressão da personalidade integrada e se relaciona ao terceiro aspecto da Trindade(1).

É nele que deverão se fundir (fusionar) finalmente todas as energias inferiores. Nesse momento o corpo pituitário, que é sua exteriorização física, torna-se radiante e assim entra em contato com a aura da glândula pineal, o que faz nascer a consciência da alma.

4. A Ponte entre os três Aspectos da Mente . antakarana



4. "A Ponte entre os três Aspectos da Mente" texto pesquisado em
http://www.encontroespiritual.org/antahkarana/antahkarana-00-inicial.html

Há um ponto que gostaria de esclarecer, se puder, pois, sobre este ponto, há muita confusão na mente dos aspirantes, o que é bastante compreensível.
Vamos, pois, por um momento, considerar exatamente onde o aspirante fica, quando começa conscientemente a construir o antahkarana.

Atrás dele, estende-se uma longa série de existências e a experiência delas trouxe-o até o ponto em que ele é capaz de, conscientemente, avaliar sua condição e chegar a algum entendimento de seu ponto na evolução.

Ele pode, consequentemente, incumbir-se de - em cooperação com sua consciência que firmemente desperta e se focaliza - dar o próximo passo, que é o do discipulado aceito. No presente, ele está orientado para a alma; através da meditação e da experiência mística, ele, de fato, tem contato ocasional com sua alma, e isto acontece com crescente frequência.

Esta experiência intuitiva serve para ancorar "o primeiro tênue fio tecido pelo Tecelão em empreendimento fohatico", como está dito no Velho Comentário. É o primeiro cabo, projetado a partir da Tríade Espiritual em resposta à emanação da personalidade, e isto é o resultado da crescente potência magnética de ambos estes aspectos da Mônada em manifestação.

Será óbvio para vocês que, quando a personalidade se está tornando adequadamente magnetizada sob o ângulo espiritual, sua nota ou som soará e evocará a resposta da alma em seu próprio plano. Mais tarde, a nota da personalidade e a nota da alma, em uníssono, produzirão um efeito definitivamente atrativo sobre a Tríade Espiritual. Esta Tríade Espiritual, por sua vez, tem exercido um crescente efeito magnético sobre a personalidade.

Isto começa no momento do primeiro contato consciente com a alma. A resposta da Tríade é, necessariamente, nesta etapa inicial via o sutratma e produz, inevitavelmente, o despertar do centro da cabeça. Essa é a razão por que a doutrina do coração suplanta a doutrina do olho. A doutrina do coração governa o desenvolvimento ocultista; a doutrina do olho - que é a doutrina do olho da visão - governa a experiência mística; a doutrina do coração é baseada na natureza universal da alma, condicionada pela Mônada, o Uno, e envolve a realidade; a doutrina do olho é baseada na relação dual entre alma e personalidade.

Ela envolve os relacionamentos espirituais, mas a atitude de dualismo ou reconhecimento dos opostos polares está implícita nela. É importante lembrar estes pontos à medida que esta nova ciência se torna mais largamente conhecida.
O aspirante eventualmente chega ao ponto onde os três fios - o da vida, o da consciência e o da criatividade - estão sendo focalizados, reconhecidos como correntes de energia, e utilizados deliberadamente pelo discípulo aspirante no plano mental inferior. Lá, esotericamente falando, "ele toma sua posição, e olhando para cima, vê uma terra prometida de beleza, amor e futura visão".

Porém, existe uma lacuna na consciência, embora não de fato. O fio sutrátmico de energia transpõe a lacuna, e tenuemente relaciona mônada, alma e personalidade. Mas, o fio da consciência estende-se somente da alma à personalidade - sob o ângulo do sentido involutivo. Sob o ângulo evolutivo (usando uma frase paradoxal), há somente uma pequena percepção consciente existente entre a alma e a personalidade, sob o ponto de vista da personalidade no arco evolutivo do Caminho do Retorno.

Todo o esforço do homem é para tornar-se consciente da alma e transmutar sua consciência para a da alma, enquanto preservando ainda a consciência da personalidade. Na medida em que a fusão da alma e da personalidade é fortalecida, o fio criativo torna-se cada vez mais ativo, e assim os três fios firmemente fundem-se, mesclam-se e tornam-se dominantes e o aspirante está então pronto para transpor a lacuna e unir a Tríade Espiritual à personalidade por intermédio da alma.

Isto envolve um esforço direto de trabalho criativo divino. A chave para o entendimento reside talvez no pensamento de que até aqui a relação entre a alma e a personalidade tem sido levada adiante primariamente pela alma, enquanto ela estimulou a personalidade ao esforço, à visão e à expansão. Agora - nesta etapa - a personalidade integrada e rapidamente desenvolvendo-se, torna-se conscientemente ativa, e em uníssono com a alma, começa a construir o antahkarana - uma fusão dos três fios e uma projeção deles para as "extensões mais elevadas e vastas" do plano mental, até que a mente abstrata e a mente concreta inferior estejam relacionadas pelo tríplice cabo.

É com este processo que nossos estudos estão relacionados; logicamente, considera-se que já tenha ocorrido normalmente uma experiência anterior relacionada com os três fios. O homem agora permanece mantendo sua mente firme na luz; ele tem algum conhecimento de meditação, grande devoção, e também reconhecimento do próximo passo. O conhecimento do processo gradualmente torna-se mais claro; um crescente contato com a alma é estabelecido;

lampejos ocasionais de percepção intuitiva da Tríade ocorrem. Nem todos estes reconhecimentos estão presentes em todos os discípulos; alguns estão presentes, outros não. Procuro apenas oferecer um quadro geral. A aplicação individual e a realização futura têm de ser elaboradas pelo discípulo no cadinho da experiência.
A meta em direção à qual o discípulo tem trabalhado no passado tem sido a do contato com a alma, conduzindo eventualmente àquilo que tem sido chamado "inclusão hierárquica". A recompensa do esforço do discípulo tem sido a admissão ao Ashram de algum Mestre, crescente oportunidade para servir no mundo e, também, receber certas iniciações.

A meta para a qual discípulos mais elevados estão trabalhando envolve, não apenas o contato com a alma como seu objetivo primário (pois isso já foi alcançado até um certo ponto), mas a construção da ponte ligando a personalidade à Tríade Espiritual, com consequente realização monádica e a abertura para o iniciado do Caminho da Evolução Superior em seus vários ramos e com seus diferentes objetivos e metas.

A distinção (eu não disse "diferença", notem bem) entre os dois caminhos pode ser vista na lista de comparações seguintes:
Desejo – Aspiração Mente - Projeção
A 1a e a 2a Iniciações A 3a e 4a Iniciações
Amor universal e Intuição Vontade Universal e Mente
O Caminho de Luz O Caminho da Evolução Superior
O Ponto de Contato O Antahkarana ou Ponte

O Plano O Propósito
As 3 Camadas das Pétalas Egoicas A Tríade Espiritual
A Hierarquia Shambala
O Ashram dos Mestres A Câmara do Conselho
Os Sete Caminhos Os Sete Caminhos

Na realidade, vocês têm aqui as duas principais aproximações a Deus ou ao Divino Todo, ambas fundindo-se na época da quinta iniciação no Caminho único, o qual, em si mesmo, combina todos os Caminhos. Não se esqueçam de uma afirmação que tenho feito muitas vezes, de que os quatro raios menores devem fundir-se, eventualmente, com o terceiro raio, e que todos os cinco devem, finalmente, fundir-se com o segundo e o primeiro raios; tenham em mente também que estes raios ou modos de Ser são aspectos ou sub-raios do segundo Raio cósmico de Amor e de Fogo.

Quero também indicar mais alguns relacionamentos. Vocês bem sabem que, no plano mental, encontram-se os três aspectos da mente, ou os três pontos focais de percepção mental e atividade que são:

1. A mente concreta inferior. Esta expressa-se mais completamente através do quinto Raio da Ciência Concreta, refletindo a fase inferior do aspecto vontade da divindade e resumindo em si mesmo todo o conhecimento, assim como a memória egoica. Esta mente concreta inferior está relacionada com as pétalas do lótus egoico e é capaz de pronunciada iluminação da alma, provando, eventualmente, ser o holofote da alma. Pode ser trazida sob controle por meio dos processos de concentração. É transitória no tempo e espaço. Através do trabalho criativo consciente, pode ser relacionada ao átomo manásico permanente ou à mente abstrata.

2. O Filho da mente. Este aspecto é a própria alma, governada pelo segundo aspecto de todos os sete raios - um ponto que lhes peço seja registrado. Ele reflete a fase inferior do aspecto amor da divindade e resume em si mesmo os resultados de todo o conhecimento acumulado que é sabedoria, iluminada pela luz da intuição. Um outro modo de expressar isto é descrevê-lo como amor, valendo-se da experiência e do conhecimento. Ele expressa-se mais plenamente através das pétalas do amor de seu ser inato. Através do serviço dedicado e devotado, ele traz o Plano divino à atividade nos três mundos da realização humana.

Está, portanto, relacionado com o segundo aspecto da Tríade Espiritual e é trazido à atividade funcionante através da meditação. Ele, então, controla e utiliza para seus próprios fins espirituais a personalidade consagrada, mente iluminada à qual nos referimos acima. É eterno no tempo e espaço.

3. A mente abstrata. Este aspecto revela-se mais completamente sob a influência do primeiro Raio da Vontade ou Poder, refletindo o aspecto superior da vontade da divindade ou do principio átmico; quando plenamente desenvolvido, ele resume em si mesmo o propósito da Deidade, e assim, torna-se responsável pela emergência do Plano. Ele energiza as pétalas da vontade até o tempo em que a vida eterna da alma seja absorvida por aquilo que não é transitório, nem eterno, mas que é infinito, ilimitado e desconhecido.

É trazido ao funcionamento consciente através da construção do antahkarana. Esta "ponte de radiante arco-íris" une a personalidade iluminada, focalizada no corpo da mente, motivada pelo amor da alma, com a Mônada ou a Vida Una, e assim capacita o divino Filho de Deus em manifestação a expressar o significado das palavras: Deus é Amor e Deus é um Fogo consumidor.

Este fogo, energizado pelo amor, destruiu pela queima todas as qualidades da personalidade, deixando apenas um instrumento purificado, colorido pelo raio da alma e não mais necessitando de um corpo para a alma. A essa altura, a personalidade já absorveu completamente a alma, ou falando de maneira mais precisa, alma e personalidade fundiram-se em um único instrumento para o uso da Vida Una.

Este é somente um quadro ou um uso simbólico de palavras para expressar a meta unificadora da evolução material e espiritual, à medida que é levada à sua conclusão - para este ciclo mundial - através do desenvolvimento dos três aspectos da mente no plano mental.

As implicações cósmicas não estarão perdidas para vocês, mas pouco adianta determo-nos nelas. À medida que este processo é levado avante, três grandes aspectos da manifestação divina surgem no teatro da vida mundial e no plano físico. São elas a Humanidade, a Hierarquia e Shamballa.

A Humanidade é já o reino dominante na natureza; o fato da Hierarquia e de sua iminente aproximação em aparência física está-se tornando bem conhecido de centenas de milhares de pessoas hoje. Seu reconhecido aparecimento mais tarde preparará o palco para as necessárias fases preparatórias que finalmente conduzirão ao governo exotérico do Senhor do Mundo, emergindo de Sua reclusão de eons em Shamballa, e vindo à expressão externa no fim deste ciclo mundial.

Aqui está o vasto e necessário quadro apresentado com o fim de dar razão e poder à próxima etapa da evolução humana.

O ponto que procuro enfatizar é que somente quando o aspirante toma posição definida no plano mental, é que se torna possível para ele fazer real progresso no trabalho da construção da ponte divina, o trabalho de invocação, e o estabelecimento de uma consciente sintonia entre a Tríade, a alma e a personalidade. O período coberto pela construção consciente do antahkarana é aquele a partir das etapas finais do Caminho da Provação à terceira iniciação.

Ao considerar este processo, é necessário, nas etapas iniciais, reconhecer os três aspectos da mente à medida que eles se expressam no plano mental e produzem os variados estados de consciência nesse plano. É interessante notar aqui que, tendo alcançado a etapa humana desenvolvida (integrada, aspirante, orientada e devotada), o homem permanece firmemente nos níveis inferiores desse plano mental;

ele então se defronta com os sete sub-planos desse plano com seus correspondentes estados de consciência. Ele está, pois, entrando em um novo ciclo onde - desta vez equipado com plena autoconsciência - ele tem sete estados de percepção mental para desenvolver; estes são inatos ou inerentes a ele próprio, e todos (quando dominados) levam a uma ou outra das sete grandes iniciações. Estes sete estados de consciência são - começando do primeiro ou mais inferior:

Plano Mental
1. Percepção mental inferior. O desenvolvimento da verdadeira percepção mental.
2. Consciência da alma ou percepção da alma. Esta não é a percepção da alma pela personalidade, mas o registro daquilo que a alma percebe pela própria alma. Isto é mais tarde registrado pela mente inferior. Esta percepção da mente é, pois, o reverso da atitude usual da mente.

3. Percepção superior abstrata. O desdobramento da intuição e o reconhecimento do processo intuitivo pela mente inferior.
Plano Búdico
4. Percepção espiritual, consciente e persistente. Esta é a plena consciência do nível intuicional ou búdico. Esta é a consciência perceptiva que é a destacada característica da Hierarquia. O foco da vida do homem muda-se para o plano búdico. Este é o quarto estado, ou estado do meio, da consciência.
Plano Átmico

5. A consciência da vontade espiritual como ela se expressa e é vivenciada nos níveis átmicos, ou no terceiro plano da manifestação divina. Há pouco que eu possa dizer a respeito desta condição de percepção; o estado de percepção nirvânica pouco pode significar para o discípulo comum.
Plano Monádico

6. A percepção inclusiva da Mônada sobre seu próprio plano, o segundo plano de nossa vida planetária e solar.
Plano Logoico

7. Consciência divina. Esta é a percepção do todo no plano mais alto de nossa manifestação planetária. Este é também um aspecto da percepção solar no mesmo plano.
Enquanto nos esforçamos por chegar a uma tênue compreensão da natureza do trabalho a ser feito na construção do antahkarana, será aconselhável, como um passo preliminar, considerar a natureza da substância da qual "a ponte de brilhante matéria mental" tem de ser construída pelo aspirante consciente. O termo oriental para esta "matéria mental" é chitta;

ela existe em três tipos de substância, todas basicamente idênticas, mas todas qualificadas ou condicionadas diferentemente. É uma lei fundamental neste sistema solar, e, portanto, na experiência da nossa vida planetária, que a substância através da qual a divindade se expressa no tempo e espaço, está carmicamente condicionada; está impregnada por aquelas qualidades e aspectos que são o produto de manifestações anteriores daquele Ser no qual vivemos, nos movemos e temos nossa existência.

Este é o fato básico que está por trás da expressão daquela Trindade ou Tríade de Aspectos com a qual todas as religiões do mundo nos tornaram familiarizados. Esta trindade é como segue:
Utiliza o sutratma
1. O Aspecto Pai Este é o subjacente Plano de Deus
O Aspecto Vontade A essencial Causa de Ser
O Propósito O propósito da vida, a evolução motivada
A nota do som sintético

Utiliza o fio da consciência
2. O Aspecto Filho A qualidade da sensibilidade
O Aspecto Amor A natureza do relacionamento
Sabedoria. Compreensão O método de evolução
Consciência. Alma A nota do som atrativo

Desenvolve o fio criativo
3. O Aspecto Mãe A inteligência da substância
O Aspecto da Inteligência A natureza da forma
O Espírito Santo A resposta à evolução
A nota da Natureza

O plano mental que precisa ser ligado é como uma grande torrente de consciência ou de substância consciente, e de um lado a outro desta torrente, o antahkarana tem de ser construído. Este é o conceito que está por trás deste ensinamento e por trás do simbolismo do Caminho. Antes que um homem possa palmilhar o Caminho, ele próprio tem de tornar-se o Caminho.

É da substância de sua própria vida que ele precisa construir esta ponte de arco-íris, este Caminho Iluminado. Ele tece-o e o ancora tal como a aranha tece um fio ao longo do qual pode viajar. Cada um de seus aspectos divinos contribui para essa ponte, e a hora dessa construção é indicada quando sua natureza inferior está:
1. Tornando-se orientada, regulada e criativa.

2. Reconhecendo o contato e controle da alma e reagindo a eles.

3. Sensível à primeira impressão da Mônada. Esta sensibilidade é indicada onde há:
a. Submissão à "vontade de Deus" ou do Todo maior.
b. Desdobramento da vontade espiritual interna, superando todos os obstáculos.
c. Cooperação com o propósito da Hierarquia, a da vontade de Deus como expressa em amor.
Eu enumerei estas três respostas à totalidade dos aspectos divinos porque elas estão relacionadas ao antahkarana e precisam tornar-se definidas e condicionadas no plano mental.

Elas estão lá para que se encontrem expressando-se na substância:
1. A mente concreta inferior.
O senso comum receptivo.
O aspecto mais elevado da natureza da forma.
O reflexo de atma, a vontade espiritual.
O centro da garganta.
Conhecimento.

2. A mente individualizada.
A alma ou ego espiritual.
O principio do meio. Budi-manas.
O reflexo da Mônada na substância mental.
Amor-sabedoria espiritual.
O centro do coração.
Amor.

3. A mente abstrata superior.
O transmissor de budi.
O reflexo da natureza divina.
Amor intuitivo, compreensão, inclusividade.
O centro da cabeça.
Sacrifício.

Há, necessariamente, outros arranjos destes aspectos na manifestação, porém, o que foi dado acima servirá para indicar a relação de Mônada - alma - personalidade como se expressam através de certas condições focalizadas ou pontos de força no plano mental.

Na humanidade, contudo, a principal realização a ser alcançada, no presente ponto da evolução humana, é a necessidade de relacionar - conscientemente e efetivamente - a Tríade Espiritual, a alma no seu próprio plano, e a personalidade em sua natureza tríplice. Isto é feito através do trabalho criativo da personalidade, do poder magnético da Tríade, e da consciente atividade da alma, utilizando o fio triplo.
Podem ver, portanto, por que tanta ênfase é dada pelos esoteristas à fusão, unidade ou mistura;
somente quando isto é inteligentemente compreendido pode o discípulo começar a trançar os fios numa ponte de luz que, eventualmente, se torna o Caminho Iluminado que ele pode atravessar para os mundos superiores do ser. Desse modo, ele se libera dos três mundos. Isso é - neste ciclo mundial - particularmente uma questão de fusão e de expressar, em plena consciência vigil, três grandes estados de consciência:

1. A Consciência de Shamballa.
Percepção da unidade e propósito da Vida.
Reconhecimento e cooperação com o Plano.
Vontade. Direção. Unicidade.
A influência da Tríade.

2. A Consciência Hierárquica.
Percepção do Eu, a Alma.
Reconhecimento e cooperação com a divindade.
Amor. Atração. Relação.
A influência da Alma.

3. A Consciência Humana.
Percepção da alma dentro da forma.
Reconhecimento e cooperação com a alma.
Inteligência. Ação. Expressão.

A influência da personalidade consagrada.
O homem que finalmente constrói o antahkarana sobre o plano mental conecta ou relaciona esses três aspectos divinos, de modo que progressivamente a cada iniciação, eles ficam mais intimamente fundidos em uma expressão divina em plena e radiante manifestação. Em outras palavras, o discípulo segue o caminho do retorno, constrói o antahkarana, atravessa o Caminho Iluminado, e alcança a liberdade do Caminho da Vida.

Um dos pontos essenciais que os estudantes devem compreender é o fato profundamente esotérico que este antahkarana é construído por um esforço consciente dentro da própria consciência, e não apenas por tentar ser bom, ou expressar boa vontade, ou demonstrar as qualidades do altruísmo e da alta aspiração. Muitos esoteristas parecem considerar o palmilhar do Caminho como o esforço consciente para vencer, a natureza inferior e expressar a vida em termos do viver e pensar corretos amor e compreensão inteligente. É tudo isso, mas é também muito mais.

Bom caráter e boa aspiração espiritual são essenciais básicos. São coisas admitidas como certas pelo Mestre Que tem um discípulo sob treinamento; esses fundamentos e seu reconhecimento e desenvolvimento são os objetivos no Caminho de Provação.

Todavia, construir o antahkarana é relacionar os três aspectos divinos. Isto envolve intensa atividade mental; exige o poder de imaginar e visualizar, além de uma dramática tentativa para construir em substância mental, o Caminho Iluminado. Esta substância mental é - como vimos - de três qualidades ou naturezas, e a ponte de luz viva é uma criação composta, tendo em si:

1. Força, focalizada e projetada a partir das forças, fundidas e mescladas, da personalidade.
2. Energia, extraída do corpo egoico por um esforço consciente.
3. Energia, abstraída da Tríade Espiritual.

Contudo, ela é, essencialmente, uma atividade da personalidade integrada e dedicada. Os esoteristas não devem de forma alguma assumir a posição de que tudo que têm a fazer é esperar negativamente por alguma atividade pela alma que automaticamente terá lugar após algum contato com a alma tenha sido alcançado, e que consequentemente esta atividade no devido tempo evocará resposta tanto da personalidade quanto da Tríade.

De maneira alguma isto é assim. O trabalho de construção do antahkarana é primariamente uma atividade da personalidade, ajudada pela alma; no devido tempo, isto evoca uma reação da Tríade. Atualmente, os aspirantes demonstram uma excessiva inércia.

Podemos também considerar este assunto sob um outro ângulo. A personalidade está começando a transmutar conhecimento em sabedoria, e quando isto acontece, o foco da vida da personalidade fica então no plano mental, porque o processo de transmutação (com suas etapas de compreensão, análise, reconhecimento e aplicação) é fundamentalmente um processo mental.

A personalidade está também começando a compreender o significado do amor e a interpretá-lo em termos de bem-estar grupal, e não em termos do eu pessoal, do desejo e até mesmo da aspiração. O verdadeiro amor somente é corretamente compreendido pelo tipo mental que está espiritualmente orientado.

A personalidade está também chegando à compreensão de que, na realidade, não existe tal coisa como o sacrifício. O sacrifício é, geralmente, somente a frustração do desejo da natureza inferior, suportada de bom grado pelo aspirante, mas - nesta fase - uma má interpretação e limitação. O sacrifício é, realmente, completa conformidade com a vontade de Deus, porque a vontade espiritual do homem e a vontade divina, como ele a reconhece no Plano, é a sua própria vontade.

Há uma crescente identificação no propósito. Portanto, vontade própria, desejo e aquelas atividades inteligentes que são duplamente motivadas, são vistas e reconhecidas como apenas a expressão inferior dos três aspectos divinos, e o esforço é para expressá-los em termos da alma e não, como até agora, em termos de uma personalidade dedicada e corretamente orientada.

Isto torna-se possível em seu verdadeiro sentido somente quando o foco da vida está no veículo mental e a cabeça, assim como o coração, estão tornando-se ativos. Nesse processo, as etapas de construção do caráter são vistas como essenciais e efetivas, e são empreendidas de boa vontade e de forma consciente. Porém, quando as bases do bom caráter e da atividade inteligente estão firmemente estabelecidas, algo ainda mais elevado e mais sutil tem de ser erigido sobre essa subestrutura.

Conhecimento-sabedoria precisa ser superado pela compreensão intuitiva; esta é, na realidade, participação inclusiva na atividade criativa da divindade. A ideia divina precisa tornar-se o ideal possível, e este ideal precisa ser desdobrado e manifestado na substância sobre o plano físico. O fio criativo, agora quase pronto, precisa ser trazido à consciente atividade e funcionamento.

Desejo-amor deve ser interpretado em termos de atração divina, envolvendo o uso correto ou incorreto de energias e forças. Este processo põe o discípulo em contato com a divindade como um Todo progressivamente revelado. A parte, através do desenvolvimento magnético de sua própria natureza, entra gradualmente em contato com tudo que É. O discípulo torna-se consciente desta soma total em expansões cada vez mais vividas de consciência conduzindo à iniciação, à realização e à identificação. Estas são as três etapas da iniciação.

O fio da consciência, em cooperação com o fio criativo e o fio da vida, desperta para um processo plenamente consciente de participação no Plano criativo divino - um Plano que é motivado pelo amor e inteligentemente levado avante.

Direção-vontade (que são palavras descrevendo a orientação produzida pela compreensão dos dois processos de conhecimento-sabedoria e desejo-amor), deve produzir a orientação final da personalidade e da alma, fundidas e mescladas e unificadas, em direção à liberdade da Tríade Espiritual; então a tentativa consciente de usar estas três energias resulta na criação do antahkarana no plano mental. Notem que, nesta etapa inicial do processo, estou dando ênfase às palavras "orientação" e "tentativa". Elas simplesmente indicam o controle final da substância pelo iniciado.

Uma das indicações de que o homem não está mais no Caminho Probacionário é sua emergência do reino da aspiração e devoção para o mundo da vontade focalizada. Uma outra indicação é que ele começa a interpretar a vida em termos de energia e forças, e não em termos de qualidade e desejo. Isto marca um definido passo à frente. Há pouquíssimo uso da vontade espiritual, como o resultado de correta orientação, na vida dos discípulos hoje.

No futuro, esta Ciência do Antahkarana e sua correspondência inferior, a Ciência da Evolução Social (que é o antahkarana ligado ou unido da humanidade como um todo), será conhecida como a ciência de Invocação e Evocação. Ela é, na realidade, a Ciência da Sintonia Magnética, na qual o correto relacionamento é produzido pela mútua invocação, produzindo um processo responsivo que é um processo de evocação. É esta ciência que está por trás do despertar consciente dos centros e de suas inter-relações; está por trás da sintonia entre um homem e outro homem, entre um grupo e outro, e eventualmente, entre uma nação e outra.

É esta invocação, e a consequente evocação, que eventualmente relacionam a alma e a personalidade e a alma e a mônada. É o importante objetivo do apelo da humanidade a Deus, à Hierarquia e aos Poderes Espirituais do cosmos, não importa que nome lhe seja dado. O apelo ressoa. A invocação da humanidade pode evocar, precisa evocar e forçosamente evocará a resposta da Hierarquia espiritual e dará a primeira demonstração, em larga escala, desta nova ciência esotérica - esotérica porque está baseada no som. Daí o uso do O. M. Não posso aprofundar-me nesta ciência; temos que limitar nossa atenção ao nosso tema, que é a Ciência do Antahkarana.

A cciencia do antahkarana

• 1.A Ciência do Antahkarana e a preparação para a Iniciação
• 2.Construindo o Antahkarana
• 3.A Natureza do Antahkarana
• 4.A Ponte entre os três Aspectos da Mente. 19- 29
• 5.A Ponte como o Agente de Alinhamento 29-31
• 6.A Técnica da Construção 31-36
• 7,A Construção do Antahkarana ... Passado.33-36
• 8.A Construção do Antahkarana na Raça Ariana ... Presente. 36-38
• 9.As Seis Etapas da Construção.38 -45
• 10.A Tarefa Imediata à Frente .45-47
• 11.Métodos dos Sete Raios Usados no Processo de Construção 47-59
• 12. Invocação e Evocação

http://www.encontroespiritual.org/antahkarana/antahkarana-00-inicial.html

sexta-feira, 22 de abril de 2011

Quinto Raio. Hilarion parte 2



5º Raio - Raio do conhecimento concreto.

Planeta::Vênus. Os senhores da Mente vieram de Vênus.
Signos: Aquário, Leão, Capricórnio
Touro, Virgem, libra - 10%
Raio da ciência e da Investigação, Cura.
Chama Verde com raios dourados
Cor Amarelo (exotérico)
Cor Índigo (esotérico)

Chama Verde
Princípio Humano Mente Superior
Centro Adjna: Raio do conhecimento concreto.
Elemento - Chama
Instrumento de sensação - Corpo astral
Plano - O mental Inferior

Sentido - Consciência como resposta ao conhecimento.
Intelecto - Mente – O conhecimento de Deus.
Instrumento de sensação de corpo. Astral.
Localização Corporal – Cérebro.
Significado Consciência como uma reação ao conhecimento

quinta-feira, 21 de abril de 2011

QUE A LUZ ESTABELEÇA O SEU REINO!







QUE A LUZ ESTABELEÇA O SEU REINO!
É tempo de Celebrar em CRISTO !

Dou-te a minha PAZ.
O.M. AÏVANHOV -15 .04. 2011

E bem, caros amigos, estou extremamente contente por reencontrar-vos.
Então, como é hábito, eu escuto-vos.

 1ª Pergunta: - A que chama «O processo de Fusão»?
R:- «O processo de Fusão» é o processo de retorno à Luz.
Ele traduz-se pela Luz azul, depois pela Luz branca, vivendo-se no interior das vossas Estruturas.
É o momento da Dissolução, da Fusão dos Éteres em vocês, permitindo-vos, em Consciência, retornar à vossa Unidade.

******* 2 ª Pergunta: - Se estamos preparados para passar ao Corpo de ESSÊNCIA, porque é que isso não se realiza?
R:- Caros amigos, vocês estão tributários da Terra, porque vocês não têm todos o mesmo Destino.
Alguns acompanharão a Terra na 5ª Dimensão.

Se a Terra não passou e se vocês passam, ou o inverso (se a Terra se vai e aqueles que eram previstos de partir não partem), vocês são obrigados a ser sincrónicos, a estar sincrónicos em relação a três coisas:
Primeiramente, em relação a Gaia, na sua totalidade.
Em 2ºlugar, sincronia em relação ao território, ou seja, ao solo em que vocês estão.
Portanto, não há nada que se oponha.

segunda-feira, 18 de abril de 2011

Raio quarto.Harmonia e do conflito - Signo de Touro



Raio quarto Raio da harmonia e do conflito


Harmonia que se expressa na beleza.
eu Sou dharma dhannya

O Anjo da Presença permance em sua rara beleza no Caminho Iluminado. A gloria da Presença flui através do campo de batalha, e a luta termina com a Paz.
O guerreir se curva à revelação. Seu trabalho foi realizado.Espada com Espada permanecem o Anjo Guerreiro, unindo-se suas auras em uma radiante esfera de luz. Os dois são UM.

A voz surge: " A harmonia restabelece e a beleza do Senhor de amor resplandece. Assim, é plano. assim o Todo é revelado. O superior e o inferior se unem; a forma e o sem forma se funsionam, mesclam, se reconhecem como Um. Em harmonia com todas as almas unidas sirvo ao Plano."

Som, cor tem formana realidade.
Sem ritmo, musica, sem poesia, sem cor, sem e sem som, as esferas não giram.
Todos nós conhecemos o efeito angelical de certos filmes, de certas imagense músicas.

Palavras chaves: Decisão e inteligência discriminatória, verdadeiros valores. Beleza e arte. A arte de viver no centro, no tao, no conflito (eu e a Alma) e na dualidade
Realização da Síntese e do autocontrole, equilibrio.
Poder criador Sabedoria adquirida no conflito, luta

Planeta Mercúrio (planeta sagrado)
Lua (planeta não sagrado)
Cor incolor
Chakra A base da coluna vertebral . 


Quarto Raio
Quarta Iniciação
'Quarto - Os quatro Logos Planetários de Harmonia pelo Conflito, Ciência Concreta, Devoção ou Idealismo Abstrato e Magia Cerimonial e Organização(os quatro raios de atributo ou da mente), constituem conjuntamente o quaternário de Manas ou mente, enquanto se encontram em processo de evolução e influenciam a todos os filhos dos homens'

Rege o Quarto reino da natureza, a totalidade do reino humano, as mônadas
Lição da sabedoria do Quarto Raio.
O amor à Unidade, à Paz e Harmonia.
Não à guerra, , mas sim a paz. Não isolamento, mas um coração que repousa no centro. 
A síntese que unifica forças oposta com a sabedoria da percepção intuitiva.
Acordo integrativo, reconciliação ou integração dos interesses subjacentes.Consenso.

Quarto Raio. Para refletir...
Som. É Uno inaudível se encontra em um ponto infinito de paz.

Forma (corpo) e Alma se fusionam em um só instrumento para o Espírito. 
Domínio da dualidade. 
Os três são Um. Olho interno aberto pode vislumbrar
Caminho para grande Síntese. Revelação
Aliança entreo 4 Raio e a quarta hierarquia creadora,
Ou monadas humanas, e o quarto reino da natureza.
Sentido: Cheiro Religião: Egípcio animal : gato
El Senhor do 4 Raio: muitos nomes
Função: criar a beleza como expressão da verdade.
O Senhor da Harmonia, Beleza e Arte.
O Percebedor no caminho

sábado, 9 de abril de 2011

PERCEPÇÃO DOS JOVENS SOBRE A VIOLÊNCIA NOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO DE MASSA



"PERCEPÇÃO DOS JOVENS SOBRE A VIOLÊNCIA NOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO DE
MASSA"

6. "Conclusões e Recomendações da pesquisa feita pela Unesco".
O papel da mídia na percepção e prática da agressão pode ser resumido da seguinte
forma:
A violência na mídia é universal e é, antes de tudo, apresentada em um contexto
compensatório. Dependendo dos traços de personalidade das crianças e de suas
experiências cotidianas, a violência na mídia satisfaz diferentes necessidades: "compensa" frustrações e carências em meio ambientes problemáticos, ao mesmo tempo em que oferece "emoção'” às crianças que vivem em áreas menos problemáticas.

Para os meninos, cria um quadro referencial de "modelos de papéis atraentes". Apesar das inúmeras diferenças culturais, os padrões básicos das implicações ligadas à violência na mídia são semelhantes em todas as partes do mundo. Os filmes, individualmente, não se constituem o problema, mas a extensão e a onipresença da violência na mídia contribui para o desenvolvimento de uma cultura global agressiva.

As "características de recompensa” da agressividade são mais
sistematicamente incentivadas do que as formas não-agressivas de lidar com a própria vida, fazendo prevalecer, dessa forma, o risco da violência na mídia.

Os resultados demonstram a onipresença da televisão em todas as partes do mundo.
Crianças de todas as regiões do planeta aparentemente passam a maior parte do seu tempo em frente a esse meio de comunicação, recebendo grande volume de mensagens de
conteúdo violento.

Em combinação com a violência da vida real, vivenciada por muitas
crianças, é alta a probabilidade de que orientações direcionadas para a agressividade sejam mais intensamente promovidas do que aquelas que incentivam comportamentos pacíficos.

Também em áreas onde o nível de agressividade é baixo, o conteúdo de violência da mídia é apresentado em um contexto compensatório. Embora as crianças lidem com esse conteúdo de formas diversas em diferentes culturas, o traço transcultural comum do problema encontrase no fato de que a agressão é interpretada como uma boa forma de solucionar os problemas em várias situações.

As crianças desejam viver em um ambiente familiar e funcional do ponto de vista social e, à medida que tais aspectos pareçam estar ausentes, procuram modelos que ofereçam a compensação por meio do poder e da agressividade. Isso explica o sucesso universal de personagens cinematográficos como “O Exterminador”. Preferências individuais por filmes desse tipo não se constituem o problema.

No entanto, quando o conteúdo de violência se torna um fenômeno tão comum que se chega à existência de um ambiente de modo geral agressivo na mídia, aumenta consideravelmente a probabilidade de que as crianças desenvolvam um novo quadro referencial, sendo as predisposições problemáticas canalizadas para atitudes e comportamentos destrutivos.

Quais são as soluções possíveis? Provavelmente mais importantes do que a mídia são
as condições econômicas e sociais nas quais crescem as crianças. No entanto, a mídia como componente de culturas, credos e orientações também merece muita atenção.

sexta-feira, 8 de abril de 2011

Invocação ao raio Azul para a Paz no Brasil





Familia de Luz o que está unido na Terra também é unido nos céu.
Estamos sintonizados e unidos com o Espírito Santo da Paz.
Vamos visualizar o planeta iluminado com o seu amor , com a sua compaixão para todos.
Voce é uma luz que se unirá a milhoes de almas no centro do coração do Pai das Luzes, o agente da Paz.
"NELE vivemos, nos movemos e temos o nosso ser"

Neste momento, em nosso coração brilha um ponto de luz
- Luz do Cristo vivo -
que está conectado em um fio de luz que une todas as almas da Familía de Luz do Planeta Terra.

Esta é uma Convocação dos Mestres da Grande Hierarquia e dos Servidores do Mundo;
da rede de Luz da Fraternidade Branca que une Shambala com o Planeta Terra, com o Brasil.

Neste momento entramos em conexão com o Pai das Luzes, a Divina Presença Imanente que une todas as Almas na consciência Grupal .
Estamos inspirados pelo fogo do amor pentecostal!
O Senhor nosso Deus é UM.

Estes pontos de luz neste fio de luz da Grande Rede que envolve a Terra nos une com a Grande Fraternidade Branca na luz do Raio Azul.
Aqui, e agora estamos unidos com as Tuas legiões de Luz, com os Teus exércitos de Luz.

Avante Anjos do Cristo! Ó Senhor, por vossa graça alimentais os vivos e por vossa grande piedade ressuscitais os mortos, defendei os fracos, curais os doentes, quebrais as correntes dos escravos.”

Salve os Servidores do Espírito da Paz!
Sigamos com a Justiça no ritmo da Luz que libera!

Os Anjos avançam com a bandeira do Cristo em nome da Misericórdia de Deus.

Que os luminosos Serafins numa fileira ardente,
soprem no alto suas sonoras trombetas Angelicais com a intenção voltada para os Mestres e para os anjos do Raio Azul no comando do Arcanjo Miguel.

Que a hostes dos querubins, num coro de melodias, toque suas harpas imortais com fios dourados.

Que seus concertos celestiais se unam,
para cantar no coro da Paz em nosso coração,
e no coração do Brasil.
Amem!
Seja feita a Vontade de Deus!

O Espírito Santo será nosso guia.
Os anjos cantam para a nossa felicidade.
Amem!

Vinde Espírito Santo, unir no centro da Grande Fonte de Luz a Alma de todas as Almas para o bem de todos.

"De um ponto de Luz da Mente de Deus,
Que flua luz as mentes dos homens,
Que a luz desça à Terra." DK


De um ponto de luz da Mente de Deus
Estamos recebendo uma infusão da onda de luz galáctica que chega do futuro pelos portais que se abrem para o bem de todos, que
"orquestra os desígnios da Vontade de Deus na oitava de expressão luminosa contendo ondas de Verdade que liberta, que atrai e desperta a parte do Eu que estava oculta, adormecida".
Photobucket

Divino Espírito Santo da Paz
Fazei expandir a consciência das massas deste planeta em ressonância às diretrizes da Mente Universal.

Estamos em sintonia e re-ligados no oceano de energia da Grande rede viva de luz da Paz e de intercomunicação telepática que envolve o planeta Terra que é comandada pelos pensadores Manu, o Cristo e o Mahachohan.

Fazei resplandecer a Luz da Onipresença Divina que há na Força da União, da Verdade, Fraternidade e Solidariedade.

Que a Vontade de Deus manifeste o Plano e o propósito das corretas relações humanas.

Que haja luz para disseminar as sementes da Paz em todos os cantos do planeta de valores morais básicos para proporcionar um fundamento ético, empático à família humana.

Na união está a força da comunicação telepática para o bem de todos que mobiliza multidões.
Que possamos ouvir a voz das comunidades, dos fracos e dos oprimindo em todos os segmentos.

Que se levantem os homens de bem cidadãos do mundo, da Família de Luz;
Que a Voz dos Guerreiros de Cristo, Guardiões da Luz, da Chama da Justiça, homens e mulheres de boa-vontade,
protetores dos necessitados e das crianças seja ouvida nos quatro cantos do mundo para o bem de todos.

Que se levantem os guerreiros protetores da Justiça,
democracia, cidadania
e da Liberdade em todos os segmentos sociais em Nosso Brasil, para que possam influenciar a opinião pública em todos os segmentos sociais.

Que haja mudanças fundamentais de valores nas instituições e modos de vida.
Que a luz e a Força da Paz de Shambala, da Hierarquia possa fluir na humanidade e nos ilumine com a energia do 7 Raios.

Que a Vontade de Deus possa unir líderes, formadores de opinião, e a mídia na luz da verdade que liberta .

" Do ponto de amor no coração de Deus
Que flua amor aos corações dos homens,
que o Cristo retorne à Terra.

"Do centro onde a Vontade de Deus é conhecida,
Que o propósito guie as pequenas vontades
dos homens,
O propósito que os Mestres conhecem e servem". DK

Que a Luz e a Força imanente propulsora e impulsora da união de todas as almas plasmada pelo desejo
de Justiça, Liberdade e Fraternidade ilumine nosso Brasile o planeta Terra.

Que a Luz do Grande Sol Central nos oriente.

Que o nosso povo unido na Luz da Nossa Mãe Divina
Nossa Senhora Aparecida
seja uma força invencível de Paz
que agregue forças que emanam da
Poder da Vontade de Deus.

Que o nosso povo unido na luz do amor do Raio Azul
seja uma força invencível que irá iluminar os governantes que lutam por Justiça, Paz, transparência e Ética para governar o nosso Brasil.

Fazei resplandecer a Luz!
Dai-nos a Paz
Poderoso e amado Hermes, vinde aqui e agora,
iluminar os meios de comunicação com a luz da Verdade
Justiça e Fraternidade.

“Eu te saudo,
Universal Poder de aproximação e de união,
Por onde se comunicam a multidão das moléculas e a quem todas convergem,
Em marcha para o Espírito”.

Fazei resplandecer a Luz da Uniãoe da Paz.
Que os homens do bem, guerreiros da Luz dos meios de comunicação
se unam para realizar a Vontade de Deus para o bem de todos.


Há uma rede de Luz iluminada pelos raios da Paz envolvendo o Planeta Terra.

O Brasil está operando na frequencia da Informação que mobiliza multidões com altas energias vibratórias de Amor, Fraternidade e de Verdade.

Que a virtudes sejam reverenciadas na ética,
que a Verdade seja transparente em todos os segmentos sociais.

Hermes virá, e a voz de Deus será o "revelador" -
a Verdade será a força da União
e Luz da informação nos meios de comunicação.

Que haja Luz, Harmonia e Fraternidade e conectividade para o bem de todos.
Que todas as pessoas sejam atraídas para o centro do nucleo de Luz da União
A Vontade de Deus será nossa Vitória,
e, espalhará a Verdade (Luz da consciência) nas dez direções do mundo.

Nosso povo ouvirá a voz da Verdade que chega na onda que vem do núcleo branco da luz do Sol Central
Somos Um-a só Consciência.

Em nome da Justiça, da Paz e da Fraternidade
a Verdade (Consciencia) será revelada em todas as estações do universo midiático e digital das redes socias.

Ouviremos a Voz do Povo em todos os lugares do universo cibernético.
O fogo sagrado do Espírito Santo da Paz está iluminando os homens de
bem da Mídia para que a Verdade seja transparente.

"Do centro que chamamos a raça dos homens
Que se realize o Plano de Amor e Luz,
E feche a porta onde se encontra o mal"

"Que Luz, o Amor e o Poder, restabeleçam o Plano divino sobre a Terra". Mestre Dk.


Seja feita a Vontade de Deus.
Amem
Que eu também comungue com as legiões de Luz para lutar pela Paz.

Que a Luz nos guie para
- "formar uma aliança global para cuidar da Terra e uns dos outros, dos animais, ou arriscar a nossa destruição e da diversidade da vida.

- apoiar sociedade civis locais, regionais e globais epromover a participação significativa de todos os indivíduos e organizações na tomada de decisões.

- que possamos respeitar e cuidar da comunidade da vida, em toda a sua diversidade.

- construir sociedades democráticas que sejam justas, participativas, solidárias, sustentáveis e pacíficas.
- promover a justiça econômica e social.
- erradicar a probreza como um imperativo ético, social e ambiental.

- exigir que corporações multinacionais e organizações financeiras internacionais atuem com transparencias em benefício do bem comum e responsbilizá-las pelas consequências de suas atividades.

- fortalecer as instituições democráticas em todos os níveis e proporcionar-lhes transparência e prestação de contas no exercício do governo, participação inclusiva na tomada de decisões e no acesso à Justiça.
- eliminar a corrupção em todas as instituições públicas e privadas". (1)
Eu Sou dharma dhannyael

Este texto foi inspirado em Alice Bailey, Barbara Marciniak - Mensageiros do amanhecer, Leonardo Boff(1)

quinta-feira, 7 de abril de 2011

arte dos florais Maria Luiza Giannini




Essências Florais Flor de Luz

Maria Luiza Giannini: Professora e Terapeuta Floral
Escola de Arte Essencias Florais Flor de Luz

Astroterapia : Astróloga
http://www.via.esoterica.nom.br


1- F. ABUNDÂNCIA
Desperta a consciência que há abundância no universo e que essa abundância está à disposição de todos. Para os desgastes cotidianos que levam o individuo a perder o vínculo com a prosperidade universal.
Essências Florais: Rabo de Gato; Incenso; Alecrim; Vara Azul; Rosa Vermelha; Gloxinia; Incenso; Lírio do Brejo; Manjericão; Perpétua; Erva Moura; Pervinca; Lavanda; Jasmim Amarelo; Escorpião; Zinia.


2-F. ANSIEDADE
Normaliza a respiração, traz tranquilidade para enfrentar os desafios com os quais a pessoa não está conseguindo lidar no cotidiano, traz para o presente.
Essências Florais: Maracujá; Gerânio; Arnica; Beijo e Capim Luz.


3- F. ANTI ALÉRGICO
Para os desconfortos alérgicos que produzem irritação das mucosas, espirros, coceiras e inflamações tais como, sinusite, bronquite. Acalma e purifica para que haja a recuperação da saúde emocional. Facilita a quebra de hábitos repetitivos destrutivos. Males que acometem quase sempre pessoas irritadas por questões externas que aparentemente lhes invadem e precisam suportar cotidianamente sem perceber saídas.
Essências Florais: Ipê Roxo; Limão; Ameixa; Alho; Maravilha; Margaridão; Beijo; Petra; Grande Cálice; Incenso; Maracujá.


4-F. APRENDIZADO DIFICULDADE
Útil quando ocorre lentidão, atraso mental, DISLEXIA, desconexão mental, para o que sente aparte e só dentro do grupo.
Contém as seguintes essências florais:
Círio; Cleone; Neve tropical; Alfazema; Alecrim Silvestre; Coroa; Madressilva; Limão; Musa Sophia; Embaúba; Funcho; Gloxínia; Vitória; Rubim; Sálvia.


5-F. APRENDIZAGEM ESCOLAR
Indicado para harmonizar as dificuldades sentidas em especial pelas crianças em idade escolar em manter o foco e ter paciência para estudar. Equilibra os excessos tanto de lentidão como de desobediência as regras por comportamento inadequado.
Embaúba; Petra; alho; Musa Sofia; Beijo; Biri; Gloxínia; Alfazema; Erva-Moura; Manjerona; Manjericão; Ipê Roxo; Sálvia; Alecrim .


6-BOM SONO
Acalma e relaxa a mente em relação as emoções para o sono tranqüilo.
Essências Florais: Melissa; Maracujá; Incenso; Rubim; Coroa; Wedelia e Beijo.


FÓRMULAS COMPOSTAS

7- F. CARÊNCIA
Chicória: para os que exigem demasiada atenção porque se sentem carentes.
Linho: coloca o ser em contato com a proteção divina.
Buque Hibisco: para os que se sentem excluídos, não confiam em seu potencial e fogem ao convívio social.
Pata de vaca: para os que perdem energia e esgotam os de sua convivência por excesso de carência.

Embaúba: para a depressão que pode ser confundida com preguiça mas é a dificuldade de desenvolver os afazeres do dia a dia que leva a parecer sem vontade.
Melissa: traz alegria, tranqüiliza os que tem distúrbios nervosos.
Vitória: Trabalha os aspectos obscuros e inconscientes da personalidade; traz para a luz o que está oculto e se transforma em auto anulação.


8- F. CHACRAS
Promove o equilíbrio para os chacras.
Azulzinha; Aloe; Rubim; Rosa Rubi; Gloxinia; Erva de Santa Luzia; Coroa.


9- F. CITRUS
Para a captação da alegria e prosperidade, eleva a imunidade protege todos os corpos com uma dose de energia tônica. Traz a alegria da criança interior.
Magia popular: amor, dinheiro
Regente: Sol
Essências Florais; F. Citrus (flores de laranja, limão bravo e limão) .


10- F. COMPULSÕES
Trabalha a dor e a tristeza escondidas que causam o vício e a compulsão; traz fibra e disposição para vencer o padrão auto – destrutivo, promovendo a limpeza das toxinas que causam a depressão promovendo o encontro com o limite do que é saudável.
Essências Florais: Biri; Ipê Roxo; Santa Luzia; Arnica; Goiaba: Manga; Côco Rei; Vara Azul; Flor Branca; Aleluia e Embaúba.


11- F. CONVIVÊNCIA
Para as dificuldades vividas com a mãe desde o período da gestação até a idade adulta. Trabalha a libertação das carências. Para os conflitos na convivência entre indivíduos em uma parceria ou em grupo. Formula que trabalha a nutrição interna eliminando a carência.
Essências Florais: Rosa; Picão; Melissa; Musa Sofia; Embaúba; Perpétua; Lantana; Buque Hibisco; Lírio do Brejo; Biri; Alfazema; Camélia.

12- F. DESBLOQUEIO SEXUALIDADE
Facilitador nos relacionamentos a dois e na expressão do amor de forma nutridora. Trabalha o excesso de focalização e o centramento das energias sexuais para a expressão da mesma de forma criativa.
Essências Florais: Flor Branca; Manjerona; Manjericão; Pinus Azul; Lírio do Amazonas.


13- F. DESCONFORTO FEMININO
Harmoniza as flutuações de humor provenientes pela TPM e a menopausa e os desconfortos advindos por desequilíbrios da saúde nas áreas femininas. Relaxa para que não haja dores de cabeça e cólicas.
Essências Florais: Gerânio; Capim Elefante; Taiuva; Rosa Branca; Limão; Maracujá; Arnica; Tanxagem e Sangria.


14- F. DORES
Para pessoas inflexíveis e apegados a idéias e emoções. Para as fases de mudança tais como aposentadoria, menopausa. Libera a tensão que causa enrijecimento muscular e dores na coluna; ajuda a abrir-se para as transformações da vida levando a mudança de postura.
Essências Florais: Quebra Pedra; O Arabicum; Limão; Vara Azul; Rubim; Maracujá; Picão; Ipê Roxo;Arnica.


15 – F. EMERGÊNCIA
Para estados emocionais alterados por perdas, sustos, acidentes. Em estados terminais traz a paz. Para os que precisam se recuperar de traumas; para os que sofreram violência. Em todos esses casos facilita recuperar o equilíbrio entre os corpos para poder continuar.
Essências Florais: Goiaba; Arnica; Capim Gordura; Margarida Funcionária; Melissa; O Arabicum; Petra; Grande Cálice; Ipê Roxo; Incenso.


16- F. IMUNIDADE
Para o fortalecimento e conscientização da vida como energia sagrada que merece respeito e cuidado. Limpeza do sangue.
Essências Florais: Ipê Roxo; Sangria; Tancahgem; O Arabicum; Limão; Rosa Branca e Flor Branca.


17- F. LIBERTAÇÃO
Quando há a necessidade de libertar-se de apegos, hábitos e ilusões que prendem a questões do passado obstruindo o desenvolvimento do ser. Possibilita a percepção que a vida é formada por ciclos que vem e vão. Traz para o encontro com a própria essência.
Essências Florais: Perpétua; Manga; Madressilva; Lírio do Brejo; São Thiago; Picão; Petra e Glória da Manhã.

18- F. LIMPEZA/PURIFICAÇÃO
Promove a limpeza e a purificação de todos os corpos, quando há a sensação de invasão energética e perda de qualidade de vida.
Essências Florais: O Arabicum; Incenso; Grande Cálice; Petra; Goiaba.


19- F. MEDO/ PÂNICO
Para o medo que paralisa causando tensão e enrijecimento muscular; limpa e purifica as toxinas produzidas por esse estado; relaxa e propicia sono tranqüilo.
Essências Florais: Margarida Funcionária; Capim Gordura; Alecrim Silvestre; Goiaba; Capim Luz; Maracujá; Arnica; Ipê Roxo; Grande Cálice e Quebra Pedra.


20- F. FORTALECIMENTO DA MEMÓRIA
Para o esquecimento da memória em fases de grande estresse; para os que se encontram cansados por excesso de atividades que exigem prontidão mental; para os que tem dificuldade em manter o foco mental; tonifica a mente dos que são lentos no aprendizado; para a memória fraca dos idosos.
Essências Florais: Figo; Funcho; Bico de Papagaio; Alfazema; Ipê Roxo.


21- F. PERSONA
Trabalha a pessoa que usa máscara para conviver em sociedade .
Trevo Amarelo (aleluia); Buque de Jasmim:Lírio do Brejo; Biri; Glória da Manhã.


22- F. RAIVA
Traz clareza mental purificando os corpos das toxinas produzidas pelo sentimento de raiva e revolta, ajuda a libertar das situações que aprisionam o individuo neste estado.
Essências Florais: O Arabicum; Jurubeba; Flor Branca; Goiaba; Limão; Beijo.


23- F. REJEIÇÃO
Ipomea: trabalha o ritmo entre realidade e fantasia, despertar e dormir, entre vida e morte; para a necessidade constante de estímulo.
Trevo (Aleluia): doenças crônicas/ desespero; traz a fé; traz alegria e liberta da depressão.
Rosa Branca: amor por si mesmo


24-F. VISÃO
Ajuda a ‘enxergar’ o que não tem dificuldade em aceitar; propicia a abertura da visão interna intuitiva, quando há dificuldade em ‘ver’ a saída; para o enfraquecimento da visão, retira as nuvens do caminho.
Essências Florais: Biri; Santa Luzia; Musa Sofia; Gloxínia; Beijo; Rubim; Petra.


25-F. VOCAÇÃO
Ajuda descobrir os dons internos, retira o véu que dificulta ver as saídas nas questões mundanas, facilita identificar o melhor caminho a seguir. Para os jovens em idade de escolha profissional e em época de escolha do curso ( vestibular), quando existe dúvida ou falta de auto conhecimento de seu talento. Espiritualmente desvela a missão de vida para os buscam aprofundar o contato consigo mesmo através do Eu Superior.
Incenso; Lírio do brejo; Rubim; Erva de Santa Luzia.

26- YIN / Yang
Propicia o equilíbrio entre as energias masculina e feminina em cada ser humano.
O feminino e em parceria e equilíbrio com o masculino expressa a sabedoria da mãe terra; equilibra as mudanças de humor.
O masculino em parceria com a energia feminina promove ação criativa nos relacionamentos. Libera o sábio amor paternal. Propicia a transformação da agressividade em ação criativa.
Essências Florais: Deusa Mãe; Flor de Cheiro; Flor da Lua; Camomila Branca; Hibisco; Sabedoria da Terra; Thumbergia; Hibisco e Lírio do Amazonas.


27- F. ANOREXIA
Flor branca e rosa branca, limpam e purificam todos os corpos; trazem bem estar interno;para a constante necessidade de se purificar e de jogar fora as impurezas que ingeriu (vomito provocado); renova a auto estima.
Pinheiro; trabalha a proteção e a necessidade de se punir por culpa
Jerivá; revitaliza e tonifica a energia proporciona força combusta assim no caso a pessoa se sente nhtrida energeticamente sem precisar usar o alimento em excesso.

CREMES
1- CLAREADOR
AMACIA e RECONSTRÓI A PELE
Alho; begônia; limão; wedélia; jurubeba; flor branca; coco; mimozinha; ipê roxo; sapientum; arnica; canela; são Thiago; capim luz.


2- ESPARGIR NO CABELO
Fortalece o bulbo, previne a queda; solta; intensifica a cor; tonifica o couro cabeludo; intensifica a cor; hidrata.
Musa sapientum; alecrim silvestre; aloe; ipê roxo; beijo; figo roxo; pinheiro azul; vara azul; flor de abóbora; limão; coco rei ; alho; gerânio; goiaba; petra; flora branca; jurubeba; anis; fidalguinho; melissa; arnica; amor seco; capim luz; capim gordura; sálvia; lótus do Egito; bambu.


3- DERMATOLOGICA: FURUNCULUS / ESPINHAS / INFLAMAÇÕES
Pepo; picão; limão; coco; aloe; ipê roxo; tuia; verbena; melissa; wedélia.


4- OLHEIRAS
Goiaba; jurubeba; alho; limão; wedelia; trevo; flor branca; fórmula visão; fidalguinho; amor seco; macela; tiririca; petra.


5- PARA OS PÉS
Relaxa, amacia, retira o mau cheiro; clareia; acalma; fungicida; dores musculares; retira a couraça; retira energias desqualificadas.
Essências florais: melissa; maracujá; picão; limão; embaúba; coco; flor branca; grande cálice; quebra pedra; musa sofia; sálvia; petra; incenso; alho; ipê roxo; goiaba; bom dia.


6- PARA OS PÉS / SOLANGE
Aloe; flor branca; lótus magnólia; fidalguinho; vara azul; linho; arnica; musa da sabedoria; ipê roxo; jurubeba; alho; embaúba; beijo; pinheiro azul; amor seco; goiaba.


7- VERRUGA
Canela; magnólia; são Thiago; santa Rita; indica; flor branca; flor do brejo; picão; lótus do Egito; 5º chacra; alho; são Miguel; pepo; arnica; capim luz; impatiens.


Essências Florais Flor de Luz astroterapia_florais@via.esoterica.nom.br

Maria Luiza Giannini
Há vinte e um anos de estudo e a prática da astrologia, do tarô e da terapia floral, fazem parte de meu cotidiano. Coloco a disposição das pessoas meu conhecimento e intuição para esclarecer as dúvidas do dia a dia, e assim, auxiliar àqueles que buscam sua verdade a encontrarem o conforto do esclarecimento para seguirem sua jornada!

Lembrar que estamos todos mergulhados em um mar de informações e precisamos aprender a acessa -las. Servir como guia para o auto conhecimento, desvelar e trazer a luz a herança pessoal, através da astrologia de vidas passadas, pois é a história de cada individuo que faz a história. Abrir o Olho do caminhante para a visão Interna, integrando personalidade e alma.
Essências Florais Flor de Luz astroterapia_florais@via.esoterica.nom.br

Maria Luiza Giannini

quarta-feira, 6 de abril de 2011

Meditação do Terceiro Raio




"Meditação do Buda Shakyamuni"

Comece colocando seu corpo numa atitude de meditação, de silêncio...
"Relaxe e concentre sua consciência na respiração.

Sinta o fluir da vida, do todo, da respiração do Um...
Visualize a imagem de Buda Shakyamuni meditando sob a árvore bodhi.
Sua compleição é dourada e usa vestes monásticas da cor de açafrão. em sua mão esquerda segura uma taça cheia de néctar que destrói os quatro obstáculos que Buda superou : o sofrimento de nossos agregados, o demônio da morte; nossa mente inquieta e indomável e o demônio do desejo.

Sua mão direita toca a terra porque, quando so Senhor Buda se sentou sob a árvore bodhi, atentadora Mara Kama Deva veio pertubá-lo. ela tentou persuadi-lo de sua meta de iluminaçãomas, apesar dos meios que usou, Buda permaneceu imóvel em sua meditação.Tocando-a, pediu à terra que testemunhasse que ele não estava pertubado pela tentadora. a terra tremeu e sacudiu seis vezes em resposta; daí o significado do Mudrá do toque-da-Terra.

A seguir, olhe fixamente para a face de Buda, sinta a profundidade da sua tranqüilidade. E então perceba quão imóvel e relaxado está o seu corpo.

segunda-feira, 4 de abril de 2011

OS 12 CRISTAIS ETÉREOS



OS 12 CRISTAIS ETÉREOS

http://portalarcturiano.blogspot.com/2011/01/os-12-cristais-etereos.html

Os Arcturianos tem se dedicado a Gaia e seus habitantes por eons como é mensurado o tempo linear. Estes seres benévolos ascencionaram como uma espécie muito antes dos humanos terem começado a encarnar sobre a Terra. O caminho dos Arcturianos para continuar crescendo tem sido ajudar outras espécies a encontrar seu caminho através do labirinto da consciência baseada na polaridade, guiando indivíduos para encontrar seu caminho para a Luz através das mais escuras épocas, eventualmente relembrando sua unidade com a Fonte. A tarefa dos Arcturianos não é só com indivíduos, mas como o planeta inteiro. Ajudando certos indivíduos a lembrar Quem e O Que eles realmente são, nos como espécie seremos capazes de transcender a fisicalidade e alterar nossa consciência enquanto em nossos corpos físicos para uma dimensão mais elevada. Nesta forma única os Arcturianos também estão auxiliando Gaia e todas as criaturas da Terra a ascenderem.

Os Arcturianos são mestres da Luz e Energia Divina, compartilham seu conhecimento e tecnologia altamente avançada como é apropriado para o individuo e sociedade. Uma das suas especialidades esta no uso da freqüência Energética Cristalina. Os Arcturianos aperfeiçoaram a habilidade de cultivar impecáveis espécimes cristalinos, os quais foram programados com freqüências especificas para estabilizar e aumentar energias cósmicas, habilitando grandes saltos no crescimento físico pessoal e planetário. Todos os seres ascensionados da nossa galáxia tem estado em parceria conosco, oferecendo seu auxilio por muitas eras sobre a terra, mas foi com o crescimento da civilização Atlante que o poder destes cristais impecáveis possibilitaram uma civilização inteira florescer e crescer. O crescimento continuou através de duas ou três Eras da Atlântida até o sistema solar se mover para uma fase escura da sua existência, a qual ajudou a levar a Queda da Atlântida, e a queda da consciência de Gaia da quarta dimensão de consciência para a terceira densidade dimensional.

Agora nosso sistema solar terminou sua longa e difícil viajem através da escuridão e esta de volta na luz, a luz e altas freqüências estão uma vez mais nos cercando. Nós somos capazes mais uma vez de usar os perfeitos Cristais Arcturianos. Alguns no Grupo dos Quarenta são Sacerdotes e Sacerdotisas de Atla-Ra retornando, os Guardiões do conhecimento e poder impregnado nos Cristais Atlantes. Os Mestres dos Cristais encarnaram neste tempo para corrigir erros passados e trazer adiante seu conhecimento ancestral para curar a fenda dimensional que foi a Queda, e nos mover todos para a fase final de transcendência da consciência humana.

Mas antes de chegar o tempo quando os cristais Atlantes estarão com poder total, que será no solstício de inverno(hemisfério norte) de 2012, nos precisamos nos familiarizar com a freqüência cristalina uma vez mais, e uma poderosa e efetiva forma de fazer isto é trabalhar com os Cristais Etéreos presenteados a humanidade pelos Arcturianos. Cada um dos nossos Grupos esta relativamente perto de um Cristal Etéreo oculto nas montanhas, lagos, canhões e vales ao redor do mundo.

Todos já estiveram em contato com um cristal físico, mas o que é um Cristal Etéreo?

È a localização de uma consciência. Assim como cada individuo encarnado agora é uma consciência localizada, focalizada em um veiculo conhecido como um corpo, os Cristais Etéreos são seres elevados dimensionais com a habilidade de focar e ressonar energias dimensionais elevadas. Estas energias podem ser acessadas e direcionadas através da intenção e meditação. Cada Cristal Etéreo ao redor do nosso planeta reflete freqüências especificas, ou aspectos. Alguns destes de sobrepõem, como vocês podem imaginar. Apenas como um único cristal tem facetas individuais, as freqüências que cada Cristal ressona são multidimensionais, refletindo fisicamente, freqüências pessoais e planetárias.

Nós vivemos num universo holográfico. Tudo, cada galáxia, estrela, planeta, ser e partícula vem da Fonte de Tudo, literalmente do Criador Primordial. Assim como você é uma consciência singular centrada num veiculo feito de bilhões de consciências singulares, assim também, são os Cristais Etéreos. Os Cristais Etéreos tem a sua própria consciência. Estas consciências individuais tem aspectos deles, similar aos seus próprio traços de personalidade. Quando trabalhando com cada Cristal Etéreo individual você pode focar sobre suas características e usá-los para ajudar num objetivo especifico ou geral. Assim como você tem sua natureza multidimensional, e trabalho dentro do seu Grupo para fazer exercícios de biorelatividade e meditações, os cristais são também designados para trabalhar singularmente e juntos.

Desde que vivemos num universo holográfico, é possível trabalhar com todos os cristais de uma vez, conectando suas naturezas multidimensionais como uma unidade, refletida pela Arvore da Vida de Quinta Dimensão. Olhem a Arvore, e imaginem esta saindo da pagina, não como um desenho bidimensional, mas com um ser vivo, multidimensional. Olhe os 12 Cristais Etéreos formando a Arvore da Vida de Quinta Dimensão e todos os seus aspectos como um grande cristal. Vejam-nos todos como facetas individuais de um cristal. Dentro de suas estruturas individuais eles se combinam para fazer um super cristal multifacetado, multidimensional.

Existe muito para descobrir, muito conhecimento para ser explorado quando trabalhamos com estes cristais. Os 12 Cristais em 12 horas de Meditação é realmente somente uma maneira para arranhar a superfície de seus poderes e habilidades. Juntem-se com todos os membros do seu Grupo para fazer a meditação no dia e hora específicos, e colha os benefícios de compartilhar seu EU com o poder e habilidades dos Cristais, trazendo energias de Quinta Dimensão, faça a tarefa com a qual você concordou antes de encarnar neste tempo e vamos nos unir, como Um, para curar o Planeta.

Fonte: Boletim - The Great Plains Group of Forty
By Robb Fahey
Tradução para português: Silvana Pereira
Postado por Clarindo Melchizedek às 04:51